[Review] Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 1

Publicado: 23 de novembro de 2010 em Cinema, Filme da Semana

Depois de uma espera quase que sem fim, a primeira parte do último filme da saga ‘Harry Potter’ chega às telonas para a alegria dos fãs (eba!). Como fora anunciado no blog, fui sábado passado (20/11) com o Mateus (Sete), as ganhadoras da promoção, entre outras pessoas. Durante a semana iremos postar algumas das fotos do dia, para mostrar como foi.

Obs.: Atenção. O texto abaixo pode conter spoilers.

Paremos de enrolação, e vamos ao que realmente importa. Como ta o filme? Tá realmente fiel? Ou não? Vamos com calma. Eu nunca tinha ficado tão apreensivo e nervoso quanto fiquei desta vez quando fui ver o filme. Esse nervosismo extra é por causa do começo da despedida da saga, que desde já, já estou me preparando psicologicamente para a parte 2 que irá estrear próximo ano. Enfim, vamos lá. Foi a primeira vez que fui ver um ‘Harry Potter’ em uma tanta lotada e incrivelmente silenciosa. Lotada sempre estava nas estréias dos filmes anteriores, mas dessa vez um ar dramático estava flutuando misteriosamente pela sala, como se todos estivessem sentindo a mesma coisa, a dor de uma despedida inevitável.Quando surgiu na tela o símbolo da Warner num prateado/enferrujado, todos se calaram, o silêncio dominou tão rapido que foi até estranho presenciar.

De longe, essa é a adaptação mais fiel, sério. Antes dele, pra mim, a mais fiel tinha sido (não é mais) o ‘Enigma do Princípe’. Para quem leu o livro, o filme é um prato cheio, é o que desde sempre todos os fãs queriam, algo mais fiel possível. É claro que houveram algumas mudanças na história, para deixa-lá mais amarrada, porém, ao meu ver, o filme todo é tão parecido com o que está no livro que essas mudanças passam despercebidas (a grande maioria). Um exemplo de cena ‘mudada’, é o inicio do filme, que mostra a Hermione apagando as memórias dos pais para que eles não corram nenhum perigo. Algo que é só ‘comentado’ no livro, é transposto de um modo rápido e muito eficaz, um ótimo começo para um filme tão denso como esse.

Apesar de haver algumas cenas de ação bem tensas, o que predomina no longa são, realmente, os detalhes. Essa primeira parte, desde o inicio, tem como objetivo minunciar a história, explicando o máximo que puder, explorando ao máximo os personagens e seus limites, para que então, na segunda parte, possa-se prosseguir com o restante da história sem ter que se preocupar com algo que foi deixado de fora, já que foi explicado muita coisa na primeira parte.

Outra cena que não está no livro, mas que eu gostei bastante, foi a cena da dança entre Hermione e Harry. Os dois estavam passando por maus bocados, tinha toda uma pressão em relação à busca das outras Horcruxes e destruir a que já tinha encontrado, etc. Uma cena simples, boba até, mas que mostra uma ligeira e eficiente ‘fuga da realidade’. Como se eles quisessem que pelo menos naquele momento, nada daquilo estivesse acontecendo, algo para ocupar a cabeça, que não seja se esconder ou fugir para não ser morto. Os três personagens principais estão tão confortavéis com os seus personagens que eles conseguem transmitir seja o que for que estejam passando. Destacando a atuação de Emma Watson, (Hermione) que pra mim, foi quem robou a cena o filme  praticamente todo. Ela sempre está presente nas cenas mais densas e emocionantes.

Uma coisa que vinha se intensificando desde o ‘Prisioneiro de Azkaban’, nesse filme se torna evidente, foi-se o tempo que ‘Harry Potter’ era uma filme para a criançada de divertir, já foi assim, mas não é mais. Isso fica claro em uma das primeiras cenas do filme, onde uma mulher está insconciente suspensa no ar, quase dobrada ao meio, com os olhos revirados e a boca aberta. Uma visão digna de um filme de exorcismo.

Conclusão. ‘Harry Potter 7.1’ mostra que, apesar de ser o filme de número sete, consegue segurar o expectador do começo ao fim, fazendo rir, chorar, se assustar e então ao final do longa, faz com que todos contem os segundos para o lançamento da segunda parte. Como muitos já disseram por aí, eu repito aqui: ‘Harry Potter foi parte da formação de uma geração!’.

~

Opa, e ae pessoal? O que vocês acharam do filme? Comentem, é muito importante sabermos a opnião de vocês! Próxima semana tem mais Review, e CineNews! Abraço!

See ya!

Héliosan

Anúncios
comentários
  1. Gil disse:

    Reamente..vc tem razão em tudo que falou!
    Sempre gostei de harry potter..mais nunca parei para ler todos os livros..depois desse filme..pretendo ler todos os livros..antes do 7.2.
    Isso é…assim que eu termina de ler o Alice no país das maravilhas que ainda to na metade hsuahu
    Resenha do filme caprichada!Mandou bem =]

  2. Raul disse:

    Concordo pelnamente com os 2. Helio retratou muito bem sobre os pontos principais do filme e Gil acertou em concordar com ele.
    Foi realmente inesquecível.
    Eu, que também não tinha lido nenhum dos livros da saga, me interessei iemensamente em ler todos antes da estréia do HP 7 pt. 2
    Na espera, ansioso.

    Valeu Pipoca com Cajuína!

  3. Jehphg disse:

    Bom, eu assisti o filme hoje, sou fã fanática e alguns dos meus amigos ainda não tinham lido os livros e ficaram realmente impressionados, então não tem nem o que dizer, o filme tá incrível e a resenha também.

  4. sent disse:

    mui buenno muimuimui buennoooo
    firos t lovi heui

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s