“Meu vício é você, e não vai passar.”

Publicado: 10 de julho de 2010 em Musicais

Quem, como eu, é apaixonado por musicais já deve conhecer o trabalho da dupla de diretores Charles Möeller e Cláudio Botelho. O teatro brasileiro como um todo e, principalmente o teatro musical brasileiro tem muito a agradecer a esses diretores, já que grande parte das produções de qualidade feitas no país são dirigidas por eles. Ainda escrevo um post só pra eles aqui, mas o de hoje é sobre uma novidade que alegrou meu dia.

Charles Möeller e Cláudio Botelho

Um dos melhores trabalhos da dupla, na minha opinião foi a versão brasileira do polêmico “Spring Awakening”, que no Brasil ganhou o título de “O Despertar da Primavera”.

O musical é paseado em uma peça homônima alemã escrita em 1891 por Frank Wedekind, que foi tomada como amoral e censurada . Em 2006, sob a direção de Michael Mayer e com as músicas de Duncan Sheik e Steven o musical foi aos palcos de NY e arrebatou oito dos principais prêmios do Tony Awards , uma espécie de Oscar dos musicias. O elenco original trazia nos papéis principais Lea Michele e Jonathan Groff – que depois ficaram conhecidos como os cantores Rachel Berry e Jessie St. James da série de TV Glee – e mais dez jovens atores que, através das canções de rock tentavam mostrar temas como sexualidade, família, religião, preconceito e amor.

Jonathan Groff e Lea Michele

Pierre Baitelli e Malu Rodrigues, os protagonistas da versão brasileira.

O teor forte e denso do espetáculo original não foi perdido na adaptação brasileira, que eu tive a oportunidade de assistir – e me apaixonar – na temporada do Rio de Janeiro. A idéia de só ter dois adultos no palco, a estética dos cenários, figurinos e iluminação e até as cenas mais polêmicas foram mantidas; mas o espetáculo não era uma réplica do original. Os diretores brasileiros foram os primeiros a conseguirem os direitos de adaptar o musical no formato non-replica, ou seja, com direção autoral nacional.

Depois do sucesso de público e crítica no Rio de Janeiro, o espetáculo ficou em cartaz por poucas apresentações em São Paulo, e por falta de patrocínio teve que sair de cartaz.

Pois bem ,a boa notícia do dia é que hoje o elenco – com algumas alterações – volta aos palcos paulistas e pelo visto, é pra ficar. Para quem for passar por São Paulo nessas férias, a dica é não perder a oportunidade de assistir ao musical.

E pra quem quiser conferir as vozes e letras da versão brasileira… http://www.moellerbotelho.com.br/arquivos/9024

Peixos,

Ceci.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s