Dúvida

Publicado: 6 de maio de 2010 em Feito por todos

Não sabia o que fazer. Pensou em pular, mas poderia não dar certo, poderia não atingir o seu objetivo.
A dúvida pairava sobre seus pensamentos. Sua consciência dizia-o para voltar, mas já era um pouco tarde para pensar nessa hipótese.
O medo o consumia, mas sabia que não tinha mais razão para ficar. Precisava fazer o que tinha de ser feito.
Hesitou por alguns instantes.
Pensou em sua mãe, pai, familiares. amigos e todos que deixara para trás. Sentiu-se covarde, mas precisava salvar-se daquele tormento.
De repente, todas as lembranças vieram a seus pensamento, como se sua vida, passasse feito filme e, em câmera lenta, observava a última cena, dando chance para reparar nos mínimos detalhes e julgar, se valeria ou não a pena desistir ou continuar.
Então, em movimentos suaves, fechou seu olhos, tentando limpar seus pensamentos, abriu os braços e, na eminência de um possível salto, começou a orar.

P.S: Galerinha, desculpa o post apressado, mas é que tô um pouco sem tem hoje, então resolvi portar um texto que eu escrevi, já que ultimamente tô mais voltado para o livro que tô escrevendo.  Sei que hoje era o dia de comentar alguma filme, mas não deu. Prometa então amanhã um post duplo pra compensar o de hoje.

Beijos, Queijos, Abraços e Whatever.

Sete

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s